Exposição “Os mestres dos storyboards” em Berlin

Toda grande produção cinematográfica começa com um roteiro que é seguido de um Storyboard. Através de desenhos, plano a plano, como em uma revista em quadrinhos um storyboard conta visualmente a história .

O processo de criação de storyboards, na forma como existe hoje, foi desenvolvido pelos estúdios Walt Disney no início de 1930 e tem sido utilizado desde então por grandes diretores como Martin Scorsese, Akira Kurosawa, Spielberg e Hitchcok. Obcecado pelo visual estético de seus filmes  Kurosawa , que originalmente queria ser pintor reproduzia todas as cenas que pretendia filmar nos desenhos.

Agora uma exposição traz um pouco dessa arte, restrita aos bastidores cinematográficos, ao público.  A mostraBetween Film and Art: Storyboards from Hitchcock to Spielberg  – em cartaz até o dia 27 de novembro no museu Deutsche Kinemathek em Berlin – investiga como os storyboards por si só se classificam como obra de arte. Os curadores da exposição traçaram semelhanças entre os storyboards e as tradicionais obras de  arte dos grandes mestres . Fica claro perceber a ligação que existe na  linguagem visual utilizada no cinema e pelas arte plásticas e o quanto devem uma a outra. Grandes artistas como Michelangelo ,Leonardo da Vinci e Van Gogh, são hoje alguns dos responsáveis pela estética  utilizada para criar os boards.

O storyboard como explica Martin Scorsese é uma peça chave na pré-produção de um filme. É o ponto de partida para definir enquadramentos, cenários, locações, personagens e até mesmo a as expressões faciais dos atores. São imagens esperando para serem realizadas e postas em movimento.

A exposição apresenta  lado a lado storyboards e trabalhos de arte dos mais notáveis diretores e artistas .A influência no estilo e a forte semelhança  coloca os desenhos do filme Spellbound (1945) do mestre do suspense  Alfred Hitchcock junto aos trabalhos de Tony Oursler e Ernst e os trabalhos realizados para Apocalypse Now (1979), do diretor Francis Ford Coppola ligados aos esboços de Georg Baselitz ( 1966).

Fonte: Art Scoop

Posts Relacionados:

Com as tags: , , , , , , , |

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *