Desvendado Picasso

Cannes, 8 de Fevereiro de 1956. O fotojornalista David Douglas Duncan estaciona o carro em frente a Villa La Californie, residência de um dos mais famosos artistas de todos os tempo:Pablo Picasso. Tem na mão, um anel de ouro.Nele está  gravado seu próprio nome e o de Picasso, que tanto aprecia o gesto que convida seu mais novo amigo a entrar na sua casa, no seu estúdio, e na sua vida mais particular.

A amizade entre o fotografo americano e Picasso agora vira tema da exposição “Picasso at Work Through the Lens of David Douglas Duncan” no Museo Picasso Málaga.

As curadoras Stephanie Ansari e Tatyana Franck  trazem, 115 fotografias selecionadas entre as milhares feitas pelo americano durante quase os 20 anos de trabalho ao lado de Picasso.

“Picasso dizia que Duncan era fantástico como fotógrafo, pois sendo  tão delicado e discreto, se esquecia dele. Por não atrapalhar seus movimentos no ateliê, Picasso permitiu que ele tirasse fotografias que nunca teria permitido a nenhum outro fotógrafo”, acrescentou Christine, nora do artista.

 

“A geração mais jovem talvez pense em Picasso como um homem misterioso. Mas ele não era totalmente, revela o fotografo. Por outro lado na parte que me cabe,  existe sim um mistério. Fotografei Picasso em torno de 25.000 vezes, e a cada vez ele me parecia perfeitamente normal, como qualquer pessoa, exceto  pelo seus olhares.Ele costumava dar muito risada, mas estava sempre prestando muita atenção em quem estava a sua volta, ele parecia realmente se interessar.Ele costumava rir, estava sempre atento ao que  eu dizia, e mostrava-se muito interessado em tudo. Apesar da convivência todas as vezes que estivemos juntos nunca consegui descobrir realmente o que ele estava pensando.”

Apesar do que Duncan tenta sugerir com tais palavras, suas imagens são consideradas uma das melhores análises na busca em entender Picasso e sua obra.

A exposição também apresenta 77 trabalhos de Picasso que aparecem nas fotografias, proporcionando  um diálogo entre  eles e possibilitando o aprofundamento no extraordinário mundo do artista . Permanecerá no Museu Picasso de Málaga até o dia 25 de setembro, e depois passará pela  Alemanha e França

Fonte: Art Scoop

Posts Relacionados:

Com as tags: , , , , , , |

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *