Com as bolinhas, Damien Hirst invade o mundo

Em  2012, uma epidemia de bolinhas coloridas vai se espalhar pelo mundo e o responsável é Damien Hirst. Em janeiro a Gagosian Gallery vai organizar simultaneamente em suas 11 filiais espalhadas pelo mundo exposições com a série de trabalhos de Hirst ,“The complete Spots”.

A idéia é que toda a série produzida entre 1986 e 2011 esteja em exibição. Se a galeria tiver o sucesso esperado em reunir toda a coleção , finalmente vai ser revelado um mistério ao mundo das artes . Qual o verdadeiro número da série “Spot painting” produzida pela “fabrica” Hirst? Estima-se que existam centenas, ou até milhares mas até hoje ninguém sabe ao certo.

Somente metade da coleção estará disponível para venda, a outra pertence  a colecionadores particulares e museus. A mostra marca o início do retorno de Hirst –popstar que dispensa marchands e galeristas– que  tem uma gigantesca retrospectiva agenda para o mês de abril na Tate Modern  -coincidindo com o início das olimpíadas em Londres –

A mostra vai permitir que o público embarque no fantástico mundo do ex bad boy inglês e mergulhe no seu excêntrico trabalho .

Nos últimos anos Hirst desafiou galerias, e quebrou recordes em leilões em pleno colapso do sistema financeiro americano. Enquanto as bolsas desabavam mundo afora com a notícia de que o Lehman Brothers, o quarto maior banco dos Estados Unidos pedia concordata o mercado da arte contemporânea vivia um momento histórico. Em apenas 90 minutos, o  artista inglês  quebrou o recorde de vendas em um leilão de um único artista, que até então pertencia a Pablo Picasso. A venda de 223 obras terminou com um resultado impressionante: US$ 168 milhões.

Damien não é apenas um artista extraordinário, mas um fenômeno cultural”, disse Oliver Barker, um dos especialistas da Sotheby’s.

A idéia da  retrospectiva  ”Spots” é mais uma das suas agressivas e bem-sucedidas estratégias comerciais. Hirst propôs a ideia ao megadealer, galerista nova-iorquinoLarry Gagosian , que reconheceu como uma boa oportunidade . A galeria raramente tem uma exposição que se extenda a uma outra filial , muito menos a 11. Mas afinal,é Damien Hirst…

Fonte: Art Scoop

Posts Relacionados:

Com as tags: , , , , , , |

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *